Aprende como mais gostas e é mais fácil para ti!

Aprende como mais gostas e é mais fácil para ti!

  • Post Category:Blog

A aprendizagem ocorre em diferentes formas e momentos, por exemplo quando conversamos com alguém, observamos o que nos rodeia, ou mexemos em algo. Recorremos a todas elas, mas temos muitas vezes preferência e mais facilidade em aprender de uma forma do que de outras.

Nas crianças, podem identificar-se globalmente 3 diferentes estilos de aprendizagem:

  • Estilo Auditivo. Quando a criança gosta muito de falar, de partilhar as suas ideias e pensamentos com os outros. Aprende mais facilmente por meio de histórias, diálogos, interagindo, escutando ou cantando canções

Auditivo

 

 

 

 

 

  • Estilo Visual. Quando a criança prefere ver e desenhar. Valoriza e procura um espaço só seu e em silêncio para se concentrar nessas tarefas. Aprende melhor vendo imagens ou vídeos, e desenhando ou colorindo a informação. É mais recetiva a orientações curtas e objetivas.

Visual

  • Estilo Cinestésico. Quando a criança tem “dificuldade em parar quieta”, precisa constantemente de se movimentar, tocar e manipular coisas. Aprende melhor agindo, fazendo experiências com a mão/corpo, em tarefas de curta duração. Para chegar à criança é importante demonstrar e/ou gesticular.Cinestésico

Em termos gerais, a aprendizagem resulta da integração da diversidade de informação, proveniente de todos os estilos. No entanto, o recurso ao estilo ou estilos preferenciais da criança é uma estratégia útil para obter sucesso nesse caminho.
Elaborar uma atividade no formato sensorial que a criança mais gosta e tem facilidade em trabalhar, torna essa tarefa mais aliciante e acessível. Logo, conduz à obtenção de reforço positivo – sensação de satisfação – importante para que a criança se mantenha motivada e queira continuar a realizar as atividades, e assim continuar a aprender.
Com efeito, esta é uma estratégia também útil para promover a aprendizagem de conteúdos em que à partida a criança tem menos facilidade ou interesse.

Recorrer ao estilo de aprendizagem preferido da criança, vai ajudá-la a redescobrir e a manter o entusiasmo enquanto aprende, a superar dificuldades, e assim a aprender mais e melhor!